Fechar
Metadados

%0 Thesis
%4 sid.inpe.br/mtc-m18@80/2009/06.04.17.50
%2 sid.inpe.br/mtc-m18@80/2009/06.04.17.50.42
%A Gigliotti, Eduardo da Silva,
%T Medidas da variabilidade interanual marinha sobre a plataforma continental sudeste do Brasil e sua relação com áreas de desova da sardinha-verdadeira (sardinella brasiliensis)
%D 2009
%E Lorenzzetti, Joáo Antonio (presidente),
%E Gherardi, Douglas Francisco Marcolino (orientador),
%E Souza, Ronald Buss de (orientador),
%E Paes, Eduardo Tavares,
%E Ktsuragawa, Mario,
%8 2009-06-30
%J Measures of the interannual marine variability on southeast Brazilian bight and its relationship to the spawning areas of Brazilian sardine (Sardinella braziliensis)
%I Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
%C São José dos Campos
%K varibilidade interanual, habitat de desova, plataformas continental sudeste do Brasil (PCSE), sardinha-verdadeira, interanual variability, spawning habitats, south brazilian bight (SBB), brazilian sardine.
%X Este trabalho tem como objetivo principal investigar a relação entre medidas da variabilidade internanual marinha sobre a Plataforma Continental Sudeste (PCSE) do Brasil e a localização das áreas de desova da sardinha-verdadeira (Sardinella brasiliensis) dentro da PCSE. A PCSE inclui ecossistemas marinhos sob a influência de ressurgência costeira. As variáveis observadas nesse trabalho foram a temperatura da superfície do mar (TSM) e o vento, estimados a partir de dados de sensoriamento remoto no período entre de 1985 e 2008. Os dados sobre a desova da sardinha foram coletados in situ a partir de nove cruzeiros oceanográficos realizados entre o período de 1976 a 1993. A partir de séries de tempo mensais das variáveis TSM e ventos, o presente trabalho descreveu a variabilidade interanual da área de estudo. A metodologia empregada aqui incluiu as seguintes técnicas de análise de sinal: 1) Análise de Componentes Principais usando dados de médias temporais durante a principal época de desova da sardinha-verdadeira, que ocorre entre novembro e janeiro; 2) Construção de gráficos sobre a variação sazonal-interanual; 3) Transformada de Ondeletas (TO); 4) Análise de correlação cruzada e 5) Análise de autocorrelação. Essas técnicas, aplicadas às séries temporais completas serviram para identificar as escalas de variabilidade espacial e temporal mais significantes dos dados e a sua relação com fenômenos climáticos globais como o El Niño - Oscilação Sul (ENSO). A anomalia normalizada de TSM esteve correlacionada com o ENSO em escalas temporais com período predominante de cerca de 30 meses. Foi detectado que uma parte da variabilidade dos campos de vento na superfície do mar é fortemente regida pela componente meridional do vento (Wv) em períodos de cerca de 100 a 120 meses. A utilização de análises de quociente sobre os dados de abundância relativa de ovos coletados in situ sugere uma elevada variabilidade interanual dos locais de desova. Essas análises foram elaboradas utilizando-se dados de distribuição geográfica, temperatura e salinidade da água do mar (superfície e 10 m de profundidade) obtidos nas estações de coleta in situ. Um mapa de probabilidade de presença de ovos relativo a todos os cruzeiros foi gerado a partir da grade principal de coleta. Para a sua elaboração, foi utilizada a técnica geoestatística de interpolação conhecida como krigagem indicativa. Esta técnica foi capaz de indicar onde as principais áreas de desova ocorreram. Um estudo das condições oceanográficas utilizando curvas de quocientes determinou os padrões de desova registrados pela sardinha-verdadeira no período desse estudo. Os resultados foram comparados aos mapas de distribuição de ovos, campos de temperatura e salinidade e diagramas TS. Todos os resultados indicam uma forte influência dessas variáveis oceanográficas sobre a desova da sardinha-verdadeira. Uma grande contribuição do presente trabalho foi melhorar o entendimento do impacto das condições oceanográficas e meteorológicas atuando na PCSE sobre a população da sardinha-verdadeira em sua fase inicial do ciclo de vida. Essas flutuações regulam o desempenho da população em alcançar a fase de recrutamento e estar disponível para a explotação pesqueira. ABSTRACT: This work aims to investigate the relation of marine interannual variability in a region located in southern coast of Brazil, also known as the Southeast Brazilian Bight (SBB) and the spawning areas of the Brazilian sardine (Sardinella braziliensis) in SBB. SBB marine ecosystems are related to a strong influence of a coastal upwelling system. Variables used in this work were sea surface temperature (SST) and surface wind, estimated from remote sensing data of the period between 1985 and 2008. The data of Brazilian sardine were collected in situ from nine survey cruises carried out over the period between 1976 and 1993. Data from monthly climatological time series of variables SST and surface wind, in the present work describe the climate variability of study area. The methodology used here includes the following signal analysis technique: 1) Principal components analysis using data from temporal averages about the main spawning season of the Brazilian sardine which occurs between November and January; 2) sazonal-interannual diagrams construction; 3) Wavelet transform (WT); 4) Cross-correlation analysis and 5) Autocorrelation analysis. These techniques applied to entirely time series served to identify the most spatial and temporal significant variability scales of date and their relation with global climate phenomena such as El Niño- Southern Oscillation (ENZO). Normalized SST anomalies were correlated with ENZO through temporal scales with predominant period about 30 months. It has been detected that part of the variability of the wind fields in the sea surface is strongly ruled by the meridional component (Wv) in periods about 100 and 120 months. The use of quotient analysis about the relative egg abundance date collected in situ suggests a high interanual variability of the spawning location. These analyses were elaborated using datasets of geographic distribution temperature and salinity of sea water (surface and 10 meters depth) sampling from in situ station collect. A map of probability of egg presence relative to all cruises has generated using the mainly sampling net. For its elaboration, was used the geoestatistic technique of interpolation known as kriging. This technique was able to indicate where the mainly spawning areas occurred. A study of the oceanographic conditions using quotient curves determined the spawning of the Brazilian sardine patterns registered in the period of the study. The results were compared with the maps of egg distribution; temperature and salinity fields and TS diagram. All results indicate a strong influence of the oceanographic variables on the Brazilian sardine spawning. The great contribution of this present work was to improve the understanding of the impact of the oceanographic and meteorological condition acting in SBB about the ecology of early life history of Brazilian sardine population. These fluctuations regulate the population performance in reaching the recruitment phase and are available for fishery exploitation.
%P 169
%@language pt
%9 Dissertação (Mestrado em Sensoriamento Remoto)
%3 publicacao.pdf


Fechar