Fechar

@Article{CostaMartPere:2011:EfVaVi,
               number = "1",
             language = "pt",
                pages = "154--163",
          affiliation = "{Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)} and {Instituto 
                         Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)} and {Instituto Nacional de 
                         Pesquisas Espaciais (INPE)}",
               volume = "2",
               author = "Costa, Rodrigo Santos and Martins, Fernando Ramos and Pereira, 
                         Enio Bueno",
                 year = "2011",
             keywords = "visibilidade horizontal, aeross{\'o}is atmosf{\'e}ricos, modelo 
                         de transfer{\^e}ncia radiativa.",
           targetfile = "RevBrasEnergSolar_2_1_2011.pdf",
                 issn = "2178-9606",
             abstract = "Os aeross{\'o}is apresentam um papel importante na 
                         avalia{\c{c}}{\~a}o da irradia{\c{c}}{\~a}o solar direta para 
                         fins de gera{\c{c}}{\~a}o de energia solar t{\'e}rmica e 
                         fotovoltaica concentradas, podendo influenciar na 
                         quantifica{\c{c}}{\~a}o destes recursos, em especial durante a 
                         esta{\c{c}}{\~a}o seca. O modelo de transfer{\^e}ncia radiativa 
                         BRASIL-SR, desenvolvido no Centro de Ci{\^e}ncia do Sistema 
                         Terrestre do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, vem sendo 
                         utilizado na quantifica{\c{c}}{\~a}o do recurso energ{\'e}tico 
                         solar para o territ{\'o}rio brasileiro e dentre os dados de 
                         entrada necess{\'a}rios para a sua execu{\c{c}}{\~a}o, 
                         est{\'a} inclu{\'{\i}}da uma base de dados mensal de 
                         visibilidade horizontal climatol{\'o}gica. Por{\'e}m, esta base 
                         n{\~a}o consegue representar de forma consistente a variabilidade 
                         espacial e sazonal dos aeross{\'o}is atmosf{\'e}ricos. Neste 
                         trabalho s{\~a}o apresentados resultados preliminares obtidos com 
                         a utiliza{\c{c}}{\~a}o de uma nova base de dados de visibilidade 
                         horizontal gerada a partir de observa{\c{c}}{\~o}es em 
                         aeroportos para dois meses de condi{\c{c}}{\~o}es 
                         meteorol{\'o}gicas distintas do ano de 2007. Os resultados 
                         obtidos foram obtido comparados com as estimativas produzidas com 
                         a utiliza{\c{c}}{\~a}o da base de visibilidade horizontal 
                         original e com dados coletados em esta{\c{c}}{\~o}es da rede 
                         SONDA. Com a aplica{\c{c}}{\~a}o dessa nova metodologia, as 
                         estimativas de irradia{\c{c}}{\~a}o solar global e de suas 
                         componentes direta e difusa apresentaram desvios menores em 
                         rela{\c{c}}{\~a}o aos dados observados em campo, principalmente 
                         no m{\^e}s de Setembro quando ocorre o pico sazonal de queimadas 
                         na regi{\~a}o Centro-Norte do Brasil. A influ{\^e}ncia da nova 
                         base de dados foi mais pronunciada durante a esta{\c{c}}{\~a}o 
                         seca mesmo na regi{\~a}o Sul do pa{\'{\i}}s onde a 
                         influ{\^e}ncia dos aeross{\'o}is emitidos em queimadas {\'e} 
                         menor e decorre como resultado do transporte atmosf{\'e}rico.",
              journal = "Revista Brasileira de Energia Solar",
                title = "Efeitos da variabilidade da visibilidade horizontal na 
                         quantifica{\c{c}}{\~a}o do recurso energ{\'e}tico solar",
        urlaccessdate = "05 out. 2022"
}


Fechar