Fechar
Metadados

Área de identificação
Tipo de ReferênciaArtigo em Evento (Conference Proceedings)
Sitemtc-m21b.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Identificador8JMKD3MGP3W34P/42L6FFS
Repositóriosid.inpe.br/mtc-m21b/2020/06.09.19.25
Última Atualização2020:06.09.19.25.41 simone
Metadadossid.inpe.br/mtc-m21b/2020/06.09.19.25.41
Última Atualização dos Metadados2021:02.11.18.20.52 administrator
Chave SecundáriaINPE--PRE/
Chave de CitaçãoSantosTsujGomePrad:2017:ReDeEs
TítuloRemoção de detritos espaciais com uso de disparos de laser
Ano2017
Data de Acesso23 abr. 2021
Número de Arquivos1
Tamanho198 KiB
Área de contextualização
Autor1 Santos, Willian Lima dos
2 Tsuji, André Martins
3 Gomes, Vivian Martins
4 Prado, Antonio Fernando Bertachini de Almeida
Identificador de Curriculo1
2
3
4 8JMKD3MGP5W/3C9JGJA
Grupo1
2
3
4 DIDMC-CGETE-INPE-MCTIC-GOV-BR
Afiliação1 Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS)
2 Universidade Estadual Paulista (UNESP)
3 Universidade Estadual Paulista (UNESP)
4 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Endereço de e-Mail do Autor1 willianenfi@gmail.com
2 tsuji.martins@gmail.com
3 vivian.gomes@feg.unesp.br
4 antonio.prado@inpe.br
Nome do EventoSeminário de Iniciação Científica e Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (SICINPE)
Localização do EventoSão José dos Campos, SP
Data25-26 jul.
Tipo SecundárioPRE CN
Histórico2020-06-09 19:25:41 :: simone -> administrator ::
2021-02-11 18:20:52 :: administrator -> simone :: 2017
Área de conteúdo e estrutura
É a matriz ou uma cópia?é a matriz
Estágio do Conteúdoconcluido
Transferível1
Tipo do ConteudoExternal Contribution
ResumoNeste trabalho estuda-se a possibilidade da remoção de detritos espaciais presentes em órbitas terrestres, diminuindo assim o risco de eventuais acidentes com satélites em atividade. A trajetória desse detrito foi, inicialmente, prevista seguindo as três leis de Kepler em um problema de dois corpos, para depois inserir a perturbação gerada pelo efeito gravitacional da Lua em um problema de três corpos. Posteriormente, os efeitos gravitacionais do Sol também foram inseridos na simulação. Os efeitos gravitacionais da Lua e do Sol foram aplicados sobre o detrito e sobre a Terra, com a finalidade de aumentar a fidelidade da simulação comparada com os efeitos reais. O segundo tipo de perturbação adicionada à simulação foi a deformação geopotencial do campo gravitacional da Terra. Utilizando o coeficiente de achatamento da Terra J2 foi possível aproximar mais a simulação dos efeitos reais. Em etapas posteriores desse trabalho pretende-se utilizar um número maior de termos para o potencial da Terra, visando uma melhoria de precisão nas integrações numéricas. A participação do arrasto atmosférico é fundamental na remoção do detrito, e foi modelado de uma forma bastante simplificada. Assume-se que quando o veículo atinge a altitude de 200 km em relação a superfície da Terra a reentrada ocorrerá e o detrito será destruído. Sendo assim, não é feita uma integração numérica levando em conta a densidade da atmosfera. Essa etapa será a próxima a ser efetuada na continuação dessa pesquisa. A forma de derrubar o detrito será a aplicação de um impulso vindo de um canhão laser. Esse impulso será aplicado pelo canhão, que estará localizado na superfície terrestre. A direção do impulso será a mesma que o canhão aponta para o detrito. Para isso é necessário considerar a localização do canhão em determinado instante, levando em conta a rotação da Terra e verificando se o detrito está visível para o canhão nesse instante. Havendo visibilidade, é elaborado um algoritmo que varia a magnitude do impulso a partir do zero, com o objetivo de encontrar qual o menor valor de impulso que consegue fazer com que o detrito tenha uma órbita cujo perigeu esteja abaixo de 200 km, indicando assim que haverá a reentrada atmosférica e o detrito será destruído. Assume-se que o menor valor de impulso represente uma situação aonde haja economia de energia no disparo do canhão. Como muitos disparos serão efetuados, essa economia é relevante durante o processo. Para cada instante simulado, é obtida a direção que o canhão deve apontar, junto com o menor impulso necessário para alterar a velocidade do detrito o suficiente para que mude sua trajetória, entre na atmosfera e sofra combustão. Visando minimizar o gasto de energia para a remoção do detrito, para cada instante simulado, são desconsideradas as situações aonde são necessárias um impulso igual ou maior que o dobro do módulo da velocidade que o detrito possuía antes da aplicação do impulso.
AreaETES
Arranjourlib.net > BDMCI > Fonds > Produção > DIDMC > Remoção de detritos...
Conteúdo da Pasta sourcenão têm arquivos
Conteúdo da Pasta agreement
agreement.html 09/06/2020 16:25 1.0 KiB 
Área de condições de acesso e uso
URL dos dadoshttp://urlib.net/rep/8JMKD3MGP3W34P/42L6FFS
URL dos dados zipadoshttp://urlib.net/zip/8JMKD3MGP3W34P/42L6FFS
Idiomapt
Arquivo AlvoSanto_remocao.pdf
Grupo de Usuáriosself-uploading-INPE-MCTI-GOV-BR
simone
Visibilidadeshown
Permissão de Atualizaçãonão transferida
Área de fontes relacionadas
VinculaçãoTrabalho não Vinculado à Tese/Dissertação
Unidades Imediatamente Superiores8JMKD3MGPCW/446AF4B
Acervo Hospedeirosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/09.26.14.25.20
Área de notas
NotasBolsa PIBIC/INPE/CNPq
Campos Vaziosaccessionnumber archivingpolicy archivist booktitle callnumber copyholder copyright creatorhistory descriptionlevel dissemination doi e-mailaddress edition editor format isbn issn keywords label lineage mark mirrorrepository nextedition numberofvolumes orcid organization pages parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress project publisher publisheraddress readergroup readpermission rightsholder secondarydate secondarymark serieseditor session shorttitle sponsor subject tertiarytype type url versiontype volume
Área de controle da descrição
e-Mail (login)simone
atualizar 

Fechar